Seguidores

COM JESUS É POSSÍVEL SER FELIZ E VENCER TODO DIA

Quantas vezes nos sentimos sem rumo e pensamos não ter com quem contar. Jesus é o nosso melhor amigo.
Quando conhecemos a Jesus e a Ele nos entregamos descobrimos uma vida completamente nova que está
disponível a todas as pessoas.
Este espaço é um convite para conhecer e praticar o que a Palavra de Deus nos ensina durante todos os dias da nossa vida.


ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

Estou abrindo espaço para você que deseja orientação através do e-mail: conhecerdeusnapratica@outlook.com;

que será respondido na publicação no blog zelando a identidade da pessoa que será chamada de amiga.

Com isso as pessoas poderão ter minha orientação e de todos que acompanham o blog, recebendo desta forma maior apoio para resolução de seus problemas.

ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

terça-feira, 5 de julho de 2016

CASO ELIZA SAMÚDIO: NOVOS FATOS REVELADORES

Irmão de Bruno diz que viu o momento que Eliza Samúdio foi morta


© Fornecido por Notícias ao Minuto

O irmão do goleiro Bruno, Rodrigo Fernandes, disse em depoimento à polícia do Piauí que estava presente no momento em que Eliza Samúdio foi assassinada. 

Ele também apontou o local onde os restos mortais das vítimas foram colocados. 

O depoimento, conforme destacou o jornal O Globo, foi colhido a pedido da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Jacarepaguá, no Rio.


Entretanto, como informou o Extra, o delegado geral da Polícia Civil do Piauí não descarta que o irmão do goleiro tenha passado informações falsas.

“Particularmente, eu não vi o depoimento. Mas é necessário tomar muito cuidado em relação ao interesse dele em divulgar essa suposta localização. A gente precisa checar a fundo porque há a possibilidade da informação ser falsa”, disse Riedel Batista.

Já Polícia Civil de Minas Gerais, que investiga o homicídio de Eliza, disse que foi comunicada pela Civil do Rio sobre o depoimento do irmão do ex-goleiro do Flamengo e que está à espera da documentação para definir quais procedimentos serão tomados.
Rodrigo Fernandes indicou que os restos mortais de Eliza Samúdio estariam em uma cidade que fica no interior de Minas Gerais. 
O irmão de Bruno está preso desde setembro de 2015, por suspeita de estupro

Irmão de Bruno indica onde estariam restos mortais de Eliza Samúdio


© Fornecido por Notícias ao Minuto




O irmão do goleiro Bruno Fernandes prestou depoimento à Polícia Civil do Piauí e apontou onde estariam os restos mortais de Eliza Samudio. 
Rodrigo Fernandes das Dores de Sousa, de 27 anos, falou por meio de carta precatória pelo delegado Elídio Duarte, chefe da Delegacia de Polícia Interestadual do Piauí. 
As informações foram confirmadas pelo UOL, nesta segunda-feira (4).

O DEPOIMENTO
De acordo com o depoimento do irmão do ex-atleta do Flamengo, os restos mortais de Eliza Samúdio estariam em uma cidade do interior de Minas Gerais. 
A data do depoimento em questão não foi confirmada e a polícia não quis dar detalhes do local onde estariam os restos mortais da vítima. 
O documento será encaminhado para averiguação.

"Foi um depoimento solicitado pela polícia do Rio em que pegamos alguns fatos da investigação do desaparecimento da Eliza", disse ao UOL o delegado-geral da Polícia Civil, Ridel Batista, ressaltando que não poderia passar mais detalhes sobre o caso.



Caso envolvendo goleiro Bruno e Eliza Samúdio completa 6 anos; relembre

Eliza Samúdio



Após seis anos de investigação, o irmão do goleiro Bruno indicou o local onde estão enterrados os restos de Eliza Samudio, ex-amante do atleta, nesta segunda-feira (4).
Rodrigo Fernandes das Dores de Sousa, de 27 anos, falou por meio de carta precatória elo delegado Elídio Duarte, chefe da Delegacia de Polícia Interestadual do Piauí. Relembre o caso por meio da galeria.

Montagem exibe o goleiro Bruno (à esquerda) e o ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, fichados pela Polícia Civil de Minas Gerais. Os dois são suspeitos pela morte ex-namorada de Bruno, Eliza Samudio. Foto: Divulgação / Polícia Civil de Minas Gerais.
Montagem exibe o goleiro Bruno (à esquerda) e o ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, fichados pela Polícia Civil de Minas Gerais. 
Os dois são suspeitos pela morte ex-namorada de Bruno, Eliza Samudio. 
Foto: Divulgação / Polícia Civil de Minas Gerais.

Investigações voltaram aos holofotes após revelações do irmão do ex-goleiro
Luiz Henrique Romão, o Macarrão, depôs em novembro de 2012 no julgamento do caso do goleiro Bruno. Ele confessou o crime e respondeu como coautor do crime do homicídio. 
Foto: Vagner Antônio / TJMG

Investigações voltaram aos holofotes após revelações do irmão do ex-goleiro
Dayanne Rodrigues do Carmo, ex-mulher do goleiro Bruno (à esquerda), chora durante julgamento pela morte de Eliza Samudio, em 20 de novembro de 2012. 
Ela chegou a ser ré no processo, mas foi absolvida. 
Foto: Vagner Antônio / TJMG

Investigações voltaram aos holofotes após revelações do irmão do ex-goleiro
As buscas pelo corpo da estudante chegaram a ser encerradas em 2014. 
Foto: Reprodução / TV Globo.

Investigações voltaram aos holofotes após revelações do irmão do ex-goleiro
O filho do casal, Bruninho, com 2 anos na época, estaria no local do crime. 
Segundo informações do R7, ele reconhecia o próprio pai e Luiz Henrique Romão, o Macarrão. como autores do crime. 
Foto: Arquivo Pessoal.

Investigações voltaram aos holofotes após revelações do irmão do ex-goleiro
Em 20 de novembro de 2012, segundo dia de julgamento do desaparecimento e morte da ex-amante de Bruno, Eliza Samúdio, o goleiro e sua a namorada Ingrid Oliveira trocaram carícias. 
O goleiro se casou com ela em 20 de junho deste ano. 
Foto: Vagner Antônio / TJMG

Investigações voltaram aos holofotes após revelações do irmão do ex-goleiro
O ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, chora durante julgamento. Bola foi condenado em 27 de abril de 2013 pelo Tribunal do Júri pelo homicídio duplamente qualificado e ocultação do cadáver de Eliza Samúdio, ex-amante do goleiro Bruno Fernandes. 
Foto: Renata Caldeira / TJMG.

Investigações voltaram aos holofotes após revelações do irmão do ex-goleiro
O goleiro Bruno depõe durante sessão julgamento no Tribunal de Justiça de Contagem, em Minas Gerais, que acabou na madrugada de 8 de março de 2013. 
O goleiro foi condenado a 22 anos de prisão pelo assassinato da ex-amante Eliza Samudio. 
Foto: Renata Caldeira / TJMG.

FONTE:
NOTÍCIAS AO MINUTO - MSN



Nenhum comentário: