Seguidores

COM JESUS É POSSÍVEL SER FELIZ E VENCER TODO DIA

Quantas vezes nos sentimos sem rumo e pensamos não ter com quem contar. Jesus é o nosso melhor amigo.
Quando conhecemos a Jesus e a Ele nos entregamos descobrimos uma vida completamente nova que está
disponível a todas as pessoas.
Este espaço é um convite para conhecer e praticar o que a Palavra de Deus nos ensina durante todos os dias da nossa vida.


ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

Estou abrindo espaço para você que deseja orientação através do e-mail: conhecerdeusnapratica@outlook.com;

que será respondido na publicação no blog zelando a identidade da pessoa que será chamada de amiga.

Com isso as pessoas poderão ter minha orientação e de todos que acompanham o blog, recebendo desta forma maior apoio para resolução de seus problemas.

ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

NÃO TEMA AMEAÇA ALGUMA!

Portanto, assim diz o SENHOR acerca do rei da Assíria: Não entrará nesta cidade, nem lançará nela flecha alguma; nem tampouco virá perante ela com escudo, nem levantará contra ela tranqueira alguma. Pelo caminho por onde vier, por ele voltará; porém nesta cidade não entrará, diz o SENHOR.” 2 Reis 19.32,33



Senaqueribe, rei da assíria, havia subjugado muitos países e, decidido a dominar o reino de Judá, enviou mensageiros para apavorar o rei Ezequias. Para isso, usou palavras pesadas. No entanto, cometeu um grande erro grande: considerou o Senhor, o Guarda de Israel, como um dos deuses das demais nações. Tais deuses eram invenções dos povos, porém o Senhor, Criador dos Céus e da Terra, é o Deus verdadeiro.

Aquele rei não contava que Ezequias servisse verdadeiramente a Deus, por isso foi malsucedido em sua investida contra Judá. Além disso, ele não sabia que, em Jerusalém, havia um profeta chamado Isaías, o qual, de fato, era servo do Altíssimo. Então, os planos do governante da Assíria se frustraram, não sendo possível concretizar-se o que ele intentava fazer. Na verdade, onde há o temor de Deus – o respeito pela Palavra do Senhor –, o mal jamais prosperará.

O antecessor de Senaqueribe tinha invadido Israel e levado cativos os rebeldes do reino do Norte. Para aquele rei, não havia barreiras; contudo, ele não sabia que era o Senhor quem o usava para cumprir a Palavra. Muitas pessoas ainda não entenderam que o sucesso obtido por elas se deve ao cumprimento do plano divino. Se respeitassem a Palavra, seriam muito mais bem-sucedidas do que pensam ser.

O profeta Isaías foi claro ao mandar a mensagem relatada no versículo citado: o rei da Assíria não entrará nesta cidade. Ezequias não precisava mais temer nem se desesperar ante a iminente ameaça de invasão estrangeira. Senaqueribe realmente possuía força bélica suficiente para acabar com o pequeno reino de Judá, mas o povo de Deus vivia sob a proteção das promessas divinas. Em qualquer crise, procure ouvir a orientação do Senhor e, então, creia no que Ele falar, pois acontecerá assim.

Quando o Senhor fala, os planos do inimigo são desfeitos. O Altíssimo afirmou que Senaqueribe sequer lançaria uma flecha contra o povo dEle. Humanamente falando, era impossível que tal impedimento acontecesse, pois o poderoso rei assírio estava determinado a invadir Jerusalém. No entanto, a oração de um servo do Todo-Poderoso pode mudar qualquer situação (Tg 5.16), e isso Senaqueribe desconhecia. O adversário não sabe o que o nosso Deus pode fazer em favor daquele que coloca nEle a sua confiança.

A sentença dada pelo profeta terminava dizendo: “Pelo caminho por onde vier, por ele voltará; porém nesta cidade não entrará, diz o SENHOR”. Nada mais precisava ser feito, a não ser louvar o Senhor pelo que Ele havia prometido. Assim, Jerusalém foi salva, e Senaqueribe, derrotado.

Ao se voltar contra Judá, cujo rei era zeloso no respeito ao Senhor, Senaqueribe viu que não era bem o que pensava. Ele voltou triste para sua terra ao ver que 185 mil soldados seus haviam morrido misteriosamente. O Senhor prometeu ser inimigo dos nossos inimigos. Então, se a sua vida estiver guardada por Ele, não tema ameaça alguma!



Em Cristo, com amor,



R. R. Soares

Nenhum comentário: