Seguidores

COM JESUS É POSSÍVEL SER FELIZ E VENCER TODO DIA

Quantas vezes nos sentimos sem rumo e pensamos não ter com quem contar. Jesus é o nosso melhor amigo.
Quando conhecemos a Jesus e a Ele nos entregamos descobrimos uma vida completamente nova que está
disponível a todas as pessoas.
Este espaço é um convite para conhecer e praticar o que a Palavra de Deus nos ensina durante todos os dias da nossa vida.


ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

Estou abrindo espaço para você que deseja orientação através do e-mail: conhecerdeusnapratica@outlook.com;

que será respondido na publicação no blog zelando a identidade da pessoa que será chamada de amiga.

Com isso as pessoas poderão ter minha orientação e de todos que acompanham o blog, recebendo desta forma maior apoio para resolução de seus problemas.

ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

sábado, 27 de agosto de 2011

A PALAVRA DE DEUS “SACUDIU” JOSIAS

E o rei se pôs em pé junto à coluna e fez o concerto perante o SENHOR, para andarem com o SENHOR, e guardarem os seus mandamentos, e os seus testemunhos, e os seus estatutos, com todo o coração e com toda a alma, confirmando as palavras deste concerto, que estavam escritas naquele livro; e todo o povo esteve por este concerto.” 2 Reis 23.3





Josias começou a reinar quando tinha oito anos e morreu jovem, depois de ocupar o trono por 31 anos. Ele foi tão usado no grande reavivamento entre o povo de Deus, que, na Bíblia, é dito que não houve outro rei que se convertesse ao Senhor com todo o seu coração, com toda a sua alma e com todas as suas forças, conforme toda a Lei de Moisés, e, depois dele, nunca se levantou um governante igual (v. 25).

O livro achado durante a reforma do templo e lido pelo escrivão Safã foi a “gota d’água” para que o rei Josias decidisse limpar a terra do povo de Deus de toda imundícia espiritual. Quando o servo do Altíssimo é tocado pela Palavra, ele deve imediatamente pôr em ação o que sentiu que o Senhor quer que ele faça. Com a sabedoria divina, ele conseguirá cumprir o que lhe for mandado.

Desde o desvio de Salomão, os israelitas foram governados por reis que se entregavam à dissolução espiritual. Com isso, na terra do povo de Deus, o diabo passou a ser cultuado e servido como queria. É verdade que alguns reis de Judá serviram ao Altíssimo, mas outros não deram a menor importância ao verdadeiro Deus. Foi, por exemplo, sob o reinado do ímpio Manassés que veio a sentença do Senhor de que Ele não pouparia Judá.

Coisa triste e séria está acontecendo com muitas famílias ajudadas pelo Evangelho: parece que algumas pessoas estão enfeitiçadas por Mamom, pois tudo o que querem é a riqueza. Como pode alguém se esquecer do que Deus lhe fez? Trágico será o fim de quem se entrega à dissolução, ao adultério e a outras práticas tão ruins; afinal, “tudo o que o homem semear, isso também ceifará” (Gl 6.7b).

Perde muito quem vive sem a presença divina. Por isso, Josias convocou o povo e fez um concerto perante o Senhor, com base no que está escrito no Livro Santo: eles andariam com Deus de todo o coração e toda a alma. Ora, nenhuma aliança será aceita pelo Todo-Poderoso se não for para que o homem ande com Ele. Então, o povo se comprometeu a se conduzir por aquele concerto, e, com isso, cumpriu-se a profecia entregue cerca de 150 anos antes pelo profeta, que, depois, foi morto por um leão (1 Rs 13). Quando retiravam os ossos dos sacerdotes para queimar sobre o altar feito por Jeroboão – o qual o profeta disse que seria profanado com a queima dos ossos dos sacerdotes –, o rei não deixou que mexessem na cova onde estavam os ossos do profeta morto pelo leão (2 Rs 23.16-18). Boa coisa é respeitar a memória de quem é usado pelo Senhor!



Em Cristo, com amor,



R. R. Soares

Nenhum comentário: