Seguidores

COM JESUS É POSSÍVEL SER FELIZ E VENCER TODO DIA

Quantas vezes nos sentimos sem rumo e pensamos não ter com quem contar. Jesus é o nosso melhor amigo.
Quando conhecemos a Jesus e a Ele nos entregamos descobrimos uma vida completamente nova que está
disponível a todas as pessoas.
Este espaço é um convite para conhecer e praticar o que a Palavra de Deus nos ensina durante todos os dias da nossa vida.


ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

Estou abrindo espaço para você que deseja orientação através do e-mail: conhecerdeusnapratica@outlook.com;

que será respondido na publicação no blog zelando a identidade da pessoa que será chamada de amiga.

Com isso as pessoas poderão ter minha orientação e de todos que acompanham o blog, recebendo desta forma maior apoio para resolução de seus problemas.

ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

quarta-feira, 13 de abril de 2011

COMO LEVANTAR-SE FIRME COM DEUS?

Ao ler as Sagradas Escrituras o que nós aprendemos com os relatos sobre como andar com Deus, sobre como manter-nos guiados por Ele e como permanecermos firmes nas suas instruções.



Tinha Uzias dezesseis anos quando começou a reinar, e cinqüenta e cinco anos reinou em Jerusalém; e era o nome de sua mãe Jecolia, de Jerusalém. E fez o que era reto aos olhos do SENHOR; conforme a tudo o que fizera Amazias seu pai.“ 2 Crônicas 26:3-4



Ao lermos as passagens bíblicas que falam sobre o rei Uzias e sobre seu filho Jotão (2 Crônicas 26:1 a 27:9) podemos concluir alguns pontos que refletem as atitudes deles perante Deus.



O rei Uzias era filho do rei Amazias, que não agradava a Deus. Ele, em sua trajetória, agradava a Deus, mas depois caiu.



Nesta passagem bíblica citada, vemos os seguintes fatos que ocorreram na jornada do rei Uzias:

- edificou e restituiu,

- teve um longo reinado em paz (ele reinou por 55 anos)

- o reinado longo se deveu a ele ter feito o que era reto aos olhos de Deus

- Uzias deu-se a buscar a Deus e nos dias em que O buscou, Deus o fez prosperar

- Uzias saiu, guerreou contra o mal, quebrou os muros inimigos, ele edificou-se e Deus o ajudou contra todo o mal

- Uzias se fortificou altamente

- Uzias edificou torres (via do alto, ou seja, tinha a visão de Deus em tudo) e as fortificou !

- Uzias tinha de tudo (torres até no deserto, poços, gado, empregados, etc.) e era amigo da agricultura (plantio e colheitas)

- Tinha gente capacitada que guerreava por ele

- os anjos de Deus, muitos, muitos, muitos, que guerreavam e ajudavam a Uzias contra os inimigos

- Uzias preparava seu exército para o combate: escudos, lanças, capacetes, couraças, arcos, fundas, instrumentos de proteção: escudos, capacetes, couraças; instrumentos de ataque: lanças, arcos, fundas.

- máquinas de defesa: atirar flechas e grandes pedras.

- Uzias ficou muito famoso e Deus o ajudou maravilhosamente até que se tornou forte.



Vemos a evolução muito significativa do rei Uzias, que colocou todo o seu empenho e a sua força em Deus, mas ele acabou desagradando a Deus:



- Uzias já estava fortificado porque Deus o ajudou, mas exaltou-se o seu coração: ficou convencido, achou que ele é quem tinha feito tudo aquilo sozinhos, sem a ajuda de Deus e se corrompeu: se estragou e transgrediu contra Deus: teve a ousadia de desobedecer a Deus, fazendo o que não era da alçada dele, fazendo as funções cabíveis apenas aos sacerdotes !



Uzias, em vez de arrepender-se e aceitar que estava desobedecendo a Deus, ao contrário, ele se indignou contra os sacerdotes, se revoltou, se irou, se zangou e colerizou contra aqueles homens que haviam sido designados pelo próprio Deus para as funções de sacerdotes, assim como ele mesmo, havia sido designado para rei.



Uzias recebeu a resposta de Deus pela sua desobediência: Deus o feriu de lepra e ele foi lançado fora e foi excluído da presença de Deus!



Uzias começou bem, mas acabou mal porque se esqueceu de Deus e saiu fora da presença dEle!



Uzias começo bem: agradando a Deus, fazendo tudo o que era reto aos olhos de Deus, edificando-se e lutando contra todo o mal, restituindo-se de Deus, buscava ainda mais ao Criador, com isto Deus o preparou, grandemente o fortificou e concedeu-lhe tudo do bom e do melhor. Uzias continuava combatendo firme, vigiando se protegendo e atacando a todo o mal que se levantava, criou uma fama muito grande até que resolveu esquecer-se de Deus , pois ficou convencido, achou que ele é que havia feito tudo aquilo sozinho, se esqueceu que Deus sempre o ajudara, começou a desobedecer a Deus, não se arrependeu dos seus erros, em vez disso ainda se zangou, se irou, se revoltou contra Deus e Deus o feriu e ele foi lançado fora pelo povo, foi excluído da presença de Deus e ele acabou por morrer leproso.



A chave para Uzias voltar a Deus era: arrependimento e humilhar-se perante Deus, mas Uzias não fez isso e acabou morrendo fora da presença de Deus que o ajudara o reinado todo!



Jotão era o filho de Uzias e tornou-se rei no seu lugar. A passagem bíblica que fala sobre este rei está em 2 Crônicas 27:1-9.



Jotão fez o que era reto aos olhos de Deus, do mesmo jeito que seu pai, Uzias, o fizera e não cometeu os erros do seu pai, ou seja, ele não entrou no templo de Deus e não quis dar uma de sacerdote, ao contrário, Jotão continuou obedecendo a Deus.



Jotão edificou porta alta na casa de Deus para evitar que o povo seguisse o mau exemplo de Uzias, seu pai. Edificou muros bem altos e também edificou cidades, castelos nos bosques e torres. Guerreou contra o mal (representado pelos amonitas) e prevaleceu sobre o mal e o mal se sujeito a ele!



Jotão se fortificou, porque dirigiu os seus caminhos na presença de Deus, teve sucessos, venceu guerras, seus caminhos foram abençoados por Deus. (2 Reis 15:32-38)



Jotão não errou e não permitiu que o povo errasse. Ele prosperou e teve sucesso e não caiu porque dirigiu todos os seus caminhos na presença de Deus. Ele buscava a Deus, vigiava, combatia o mal, edificando-se e não fez o que não lhe era atribuído pelo próprio Deus, como fizera erroneamente seu pai Uzias.



Conclusões que estas passagens bíblicas nos concedem ao refletirmos a respeito dos reinos de Uzias e de seu filho Jotão:



- andar com Deus = sucesso, vitória, poder.

- como andar com Deus? Fazendo o que O agrada, buscar a Deus, vigiar, guerrear contra o mal que se levanta, não permitir que outras pessoas caiam no mal, arrepender-se e humilhar-se perante Deus quando errar e se exceder e não se revoltar contra Deus.

- manter-se firme com Deus: não deixar que nada abale a sua confiança e a sua fidelidade a Deus.



Em Nome de Jesus.



Mônica Gazzarrini
E-mail: mogazzar@hotmail.com




“Jesus Cristo é o Senhor”

Nenhum comentário: