Seguidores

COM JESUS É POSSÍVEL SER FELIZ E VENCER TODO DIA

Quantas vezes nos sentimos sem rumo e pensamos não ter com quem contar. Jesus é o nosso melhor amigo.
Quando conhecemos a Jesus e a Ele nos entregamos descobrimos uma vida completamente nova que está
disponível a todas as pessoas.
Este espaço é um convite para conhecer e praticar o que a Palavra de Deus nos ensina durante todos os dias da nossa vida.


ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

Estou abrindo espaço para você que deseja orientação através do e-mail: conhecerdeusnapratica@outlook.com;

que será respondido na publicação no blog zelando a identidade da pessoa que será chamada de amiga.

Com isso as pessoas poderão ter minha orientação e de todos que acompanham o blog, recebendo desta forma maior apoio para resolução de seus problemas.

ESCREVAM !!!!!!!!!!!!!!!!!

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

A REVELAÇÃO DIVINA QUE FOI REALIZADA PARA O APÓSTOLO PEDRO.

Que lições nós podemos tirar deste episódio narrado nas Sagradas Escrituras que se mantém construtivas, edificantes e extremamente válidas também nos dias de hoje ?





E, chegando Jesus às partes de Cesaréia de Filipe, interrogou os seus discípulos, dizendo: Quem dizem os homens ser o Filho do homem? E eles disseram: Uns, João o Batista; outros, Elias; e outros, Jeremias, ou um dos profetas.” Mateus 16:13-14


Esta região, Cesaréia de Felipe, ficava ao norte do mar da Galiléia e era especialmente pagã. Não foi por acaso que a população tinha muitas crendices e versões sobre quem eles acreditavam ser Jesus. Muitos achavam, enganosamente, que Ele era até a “reencarnação” de João Batista ou a volta de Elias, bem como imaginavam que Ele poderia ser Jeremias ou, pelos seus já conhecidos milagres e curas, algum outro profeta que surgia naquele momento. Conclusões e características típicas de um povo completamente desviado da verdade, fazendo declarações impossíveis de serem corretas!




Disse-lhes ele: E vós, quem dizeis que eu sou? E Simão Pedro, respondendo, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. E Jesus, respondendo, disse-lhe: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque to não revelou a carne e o sangue, mas meu Pai, que está nos céus.” Mateus 16:15-17

O apóstolo Pedro obteve a revelação divina de que Jesus é o escolhido de Deus-Pai, consagrado ao Seu serviço e revestido do poder para realizar a tarefa que Lhe fora determinada, salvar o Seu povo dos inimigos e estabelecer o Seu Reino de justiça (Daniel 9:25-26).





Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela;” Mateus 16:18


Este versículo recebe muitas interpretações errôneas por outras correntes não-evangélicas, onde eles definem que Pedro é a base de edificação da igreja...



Nós, crentes fiéis e estudiosos da Palavra de Deus e plenamente esclarecidos da Verdade, sabemos que isto não é procede: a base da confissão de Pedro é que representa e significa a “rocha firme”:

1) Jesus é o Cristo;

2) A confissão de Jesus como Messias;

3) Os ensinos de Cristo que eram praticados;

4) O próprio papel que cada um de nós temos a partir do Dia de Pentecostes.



E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.” Mateus 16:19


É bem possível que Pedro tenha usado estas quatro chaves acima referenciadas no Dia de Pentecostes, relatado no livro de Atos dos Apóstolos, ao declarar que a porta do Reino de Deus estava aberta para os judeus e prosélitos e, posteriormente reconhecer, que elas também estavam abertas para os gentios. Nunca coube a Pedro a tarefa de detectar os inocentes e os culpados, para julga-los !!!



Então mandou aos seus discípulos que a ninguém dissessem que ele era Jesus o Cristo.“ Mateus 16:20

Porquê Jesus fez esta consideração descrita no versículo acima para que os apóstolos não dissessem que Ele era o Cristo?

Por um motivo claro: os judeus da época aguardavam um Messias, mas com outro perfil, completamente diferente, ou seja, um Messias exclusivamente nacional e político, que os libertasse das opressões políticas e tributárias que vinham sofrendo do Império Romano, que, inclusive, acabaria até por precipitar uma revolução contra Roma. (Mateus 8:4)

Jesus não queria, de forma alguma esta confusão em relação ao Seu principal papel que Deus-Pai lhe atribuíra e veio aqui para a Terra desempenhar: Nosso Único e Suficiente Salvador !!!!


Em Nome de Jesus.





Mônica Gazzarrini
e-mail: mogazzar@hotmail.com


Renascida em Cristo desde 2004, estudiosa do Evangelho, escritora, administradora de empresas, contabilista, especialista em marketing.



Visite os artigos e livros da escritora sobre a caminhada com Deus em:

http://bencaossemlimites.blogspot.com/
http://conhecaadeusnapratica.blogspot.com/
http://conhecerdeusvolume2.blogspot.com/
http://jesuscristomeusenhor.blogspot.com/
http://www.webartigos.com/authors/878/Monica-Gazzarrini
http://www.artigonal.com/authors_49432.html



“Jesus Cristo é o Senhor”

Nenhum comentário: